DIY – como dar uma cara nova a uma cadeira antiga em 10 minutos

DSC_0168Desde que mudei para um lugar que eu podia chamar de meu (e de nosso), comecei a prester bem mais atenção em decoração. Eu nunca fui muito ligada a isso — mas acho que ninguém é muito, né, quando ainda moramos com nossos pais.

Quando recebi a notícia que viria acompanhar meu marido aqui na Califórnia, já fiquei super animada em, pela primeira vez, pensar realmente na decoração de uma casa — ou apartamento, no nosso caso. Ele veio primeiro, e eu lá de longe já via o apartamento pelo Skype e ia planejando o que fazer com o espaço.

Bom, mas a realidade foi BEM diferente. Assim quando cheguei, percebi que eu não sabia absolutamente nada sobre decoração. Thiti e eu fomos à Ikea (uma loja enorme de móveis, falarei dela com mais detalhes aqui em breve) assim que cheguei aqui — e, gente, foi terrível. Não planejamos direito, compramos coisas que não ficaram tão legais em casa depois, coisas que não precisamos usar… Enfim, a gente era totalmente noob no assunto “mobiliar uma casa” e não fizemos um bom trabalho no início. Apesar do “fracasso”, esse período inicial foi um ótimo aprendizado para mim, e fui começando a conhecer o que eu gostava e não gostava, já que vim da casa da minha mãe sem um gosto ~decorístico~ definido. DSC_0181Foi só quando mudamos de apartamento — literalmente em frente ao apê antigo, no mesmo corredor — que comecei a ler mais sobre design de interiores e fazer umas mudanças aqui em casa. Escolhi um esquema de cores, aprendi sobre harmonia de espaços e fiz muitos e muitos projetos DIY (Do It Yourself, ou em português, Faça Você Mesmo).

Uma dica valiosa se você é novo no assunto decoração: pesquise, leia e tenha paciência para encontrar seu estilo. Eu levei uns dois anos para descobrir o que eu realmente gosto em um espaço íntimo, e eu me agradeço por nesse meio tempo eu não ter  comprado mil coisas que provavelmente teriam que ser vendidas hoje.

Mas em breve a gente conversa mais sobre design de anteriores. Hoje estou aqui para dar uma dica bacana de como mudar a cara de uma cadeira antiga rapidíssimo.

Quem curte a página do blog no Facebook sabe que há uns dias peguei uma cadeira de graça no Craigslist, um site onde o pessoal pode anunciar vagas de emprego, itens para venda e oferecer coisas de graça também. A seção de free stuff do Craigslist é a melhor para mim — eu sempre estou lá vendo quais objetos têm potencial aqui em casa. Já peguei tecidos de graça, um espelho enorme (e lindo), e semana retrasada faturei essa cadeira.

Foto feita com meu celular, no dia em que peguei a cadeira
Foto feita com meu celular, no dia em que eu a busquei

Eu adorei as pernas dessa cadeira, e o detalhe de vime me lembrou as cadeiras antigas que minha vó tinha em casa. Como eu amo móvel branco, fiquei feliz em ver que eu não precisaria mexer com a cor dela — mesmo com algumas lasquinhas, achei o toque vintage bem charmoso e deixei assim mesmo. E apesar de ser uma cadeira de jantar, visualizei um bom lugarzinho para ela na minha mesa de trabalho ou até no meu quarto, perto do espelhão (do Craigslist também) que tenho lá.

A única coisa que não estava tão legal era o estofado da cadeira. O tecido era um rosa claro bem feinho (e sujinho também). Fui em uma loja de tecidos aqui e escolhi um azul com branco (azul é a cor-destaque da minha casa, depois explico isso melhor) para dar uma cara nova ao meu novo-antigo móvel. DSC_0109Chegando em casa, peguei meu grampeador — os próprios para grampear materiais mais pesados são os melhores, mas dá para tentar com um grampeador normal (só que um pouco mais resistente) também –, uma tesoura, e lá fui eu.

Para mudar o estofado de qualquer cadeira, você vai precisar basicamente disso:DSC_0202

  • grampeador
  • tesoura
  • pedaço grande de tecido (2 metros, talvez, dependendo do tamanho do assento)

Primeiro, tirei todos os parafusos da cadeira. Usei umas ferramentas que temos aqui — todas básicas, nenhuma muito chique ou diferente. Só não sei o nome delas, gente. 😦

Depois, tirei todos os grampos antigos com a ajuda da ponta de uma tesoura antiga. Uma faca sem ponta ou alicate também fazem isso bem. Descobri que a cadeira tinha mais uma camada de tecido nela — ou seja, alguém já tinha transformado o visual dela um dia. DSC_0118Depois da parte onde a gente senta estar bem pelada, chegou a hora mais divertida: colocar o tecido novo!

Cortei o tecido mais ou menos do tamanho do assento, com umas boas margens para “puxar” as sobras para dentro depois. Não precisa cortar perfeito, já que essa parte vai ficar escondidinha lá embaixo.

Meu ajudante
Meu ajudante

Uma vez cortado, comecei a puxar as laterais do tecido para a parte de baixo do assento e grampear boa parte dessas sobrinhas. DSC_0128Esse processo não tem segredo, gente. É só tomar cuidado para esticar bem o tecido, para não ficar aquela coisa “foló”. E pode grampear à vontade — como eu já disse ali em cima, ninguém vai virar sua cadeira de cabeça para baixo e olhar como ela é ali. Estando tudo seguro e bem preso é o que interessa. DSC_0133E é basicamente isso! Em 10 minutos mudei a cara de uma cadeira que estava bem surradinha, largada e esquecida na garagem de alguém.DSC_0152DSC_0143 Para mim, isso é decoração: ser esperto, criativo e gastar pouco. Eu ainda quero provar que para ter uma casa bonita não é preciso gastar rios de dinheiro. É possível, sim, ter a casa dos seus sonhos sem se endividar e/ou gastar tudo o que você tem na poupança. Fiquem ligados, novas dicas virão!

E vocês, já compraram/pegaram móveis usados? O que é decoração, para vocês?

 

Advertisements

5 thoughts on “DIY – como dar uma cara nova a uma cadeira antiga em 10 minutos

  1. Sua cadeira ficou uma graça mesmo, amei! vi algumas fotos no insta e sua casinha parece tão linda, mostra ela pra gente qualquer dia. Então, depois de uma casa cor (fui assessora de imprensa) e dois anos escrevendo no jornal sobre decoração, acho que eu consegui de boas decorar minha casinha. Ou melhor, minha sala, porque os outros cômodos permanecem em stand by (falta de ideias + grana). Mas a gente vai aprendendo aos poucos né! e mais uma vez parabéns pela cadeira maravilhosa. Bem que aqui em CG podia ter um craigslist :~

    Like

    1. Mostro sim, Lyra! A decoração ainda está bem em andamento — e acho que para sempre vai estar, haha –, mas aos poucos vou contando aqui no blog como está sendo decorar esse espaço. Eu adoooro ler sobre decoração no seu blog, tô aqui na espera dos próximos posts!
      E é uma ideia, hein, criar um site tipo um craigslist por aí também. Seria muito útil e eu acho que faria sucesso!

      Like

  2. Linda cadeira Gabi! Excelentes ideias para decoração, amei. Estou prestando atenção nos móveis usados daqui de CG, na captura de uma mesa. Ainda não sei o q vai virar, mas se virar, t mando fotos rs

    Like

    1. Obrigada, Ane! Me fala assim se você souber de uma loja bacana de usados aí, pelo jeito é um pouquinho difícil achar…

      Like

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s